Pesquisar este blog

segunda-feira, 6 de agosto de 2012

Ansiedade o Lobo mau das Tentantes

Tudo parecia lindo, um verdadeiro conto de fadas... A menina que sempre sonhou em ser mamãe, que colocava travesseiros em sua barriga e se olhava no espelho, que ninava sua boneca com todo carinho hoje é uma mulher! Ela saiu, se divertiu, namorou, encontrou o príncipe encantado, casou e o sonho de criança estava perto de se tornar realidade... "Amor, vamos ter nosso bebê?" E ela parou com o anticoncepcional, pensando, ok, final do mês teremos uma surpresa... Mas a surpresa foi a menstruação batendo em sua porta... Nos 3 meses seguintes ela tentou novamente pensando: "tomei muitos anos o anticoncepcional, meu ciclo precisa se ajustar". No final desse mês a menstruação atrasou... que alegria! Chegou a hora, pensou ela... Teste de farmácia logo cedinho, e... NEGATIVO... A partir daí as coisas começaram a mudar... ela foi ao seu ginecologista esperando uma solução... e para seu espanto escutou: "Calma... é normal aguardar até 1 ano para conseguir engravidar... a partir de 1 ano podemos começar alguma investigação quanto a demora caso necessite". Normal?? Para ela que sonha em ser mãe esperar um ano achando normal é praticamente loucura!! E ela saiu do consultório disposta a pesquisar tudo sobre como conseguir engravidar... Em pouco tempo ela já sabia como funcionava seu ciclo, quais seus possíveis dias férteis, media a temperatura basal, levantava as pernas após namorar o marido... e sua vida se resumia a um unico assunto: ENGRAVIDAR! O marido? A coitado... ele estava se tornando uma máquininha de fazer filhos... "Vamos amor, acho que estou ovulando, fui no banheiro e lá estava o muco clara de ovo!! Temos que namorar agora!!" E lá foi a máquininha fazer seu papel... Os parentes e amigos? Esses também faziam seu papel... "E aí? Cadê o bebê?" "Nossa, mas não está demorando muito?" "Coitada, não pode ter filhos". Com o passar do tempo ela já tinha sua coleção de testes de farmácia e exames de sangue negativos... Fora a tristeza, o desanimo, o choro... e sua grande companheira de aventuras: a dona ansiedade que a cada ciclo negativo se tornava mais presente em sua vida... Amadas... esse texto que criei é a realidade da grande maioria das tentates... tenho certeza que você que está lendo esse post agora se encaixou e concordou em muitas partes não é? Pois é... E você sabia que a ansiedade que persegue o mundo das tentativas tem grande culpa em muitos casos na demora da cegonha? Te convido a parar um minutinho a leitura e pensar em suas amigas tentantes... creio que você vai lembrar de pelo menos uma que quando relaxou, quando decidiu que não ia tentar por um tempo, quando decidiu até adotar uma criança o que aconteceu?? ENGRAVIDOU... Não é uma mera coinscidência... é fato! Florzinhas, nosso sistema hormonal é muito sensível... coisinhas pequenas conseguem altera-lo... imagina uma ansiedade louca? Segundo especialistas, a ansiedade consegue fazer com que o cérebro comece a produzir substâncias que inibem as funções reprodutivas e até altera a ovulação, fazendo com que a mulher ovule em momentos diferentes a cada ciclo ou até mesmo não ovule... Mas o que fazer com a ansiedade?? Falar para vocês relaxarem não vai adiantar... vocês já devem ter escutado isso inumeras vezes... e não é tão simples assim... ninguém consegue acordar um dia e dizer para si: Apartir de hoje eu não vou mais ser ansiosa, vou me acalmar e engravidar... Isso não existe... (pelo menos eu nunca conheci ninguém assim). Mas o que podem fazer é tentar dar uma driblada na danada! Faça de um tudo para estar saudável... Corpo saudável = mente saudável... se alimente bem, tome muita água, se possível faça exercícios (exercícios físicos são ótimos para descarregar a adrenalina). Encontre um bom ginecologista... aquele que tire suas dúvidas, que esteja a sua disposição para o que precisar... não adianta você ir a um profissional buscando respostas e ele só te deixar mais ansiosa, falando apenas em termos técnicos, não te explicando nada... infelizmente isso acontece muito... Mude o foco... Nada de ficar 24 horas só pensando em gravidez... encontre algo legal pra fazer, faça artesanato, saia com uma amiga (que não é tentante por favor, hehe), limpe a casa, se empenhe mais no trabalho Ame, namore, curta seu marido como antes... Programe um passeio, uma viagem, um jantar... Use seus pensamentos que até agora eram exclusivos das tentativas para fazer uma surpresa romântica para ele... Por favor, nada de sexo com hora marcada! Tenha fé! Seja lá qual for sua religião... ore, peça por calma, paciência... não peça apenas para seu filhote chegar... porque ele vai chegar, mais cedo ou mais tarde, isso é fato! Para terminar quero deixar um texto que traduz extamente o que quero passar para vocês minhas florzinhas... espero que aproveitem... Muitas vezes, passamos um longo tempo de nossas vidas correndo desesperadamente atrás de algo e não conseguimos! Será que não conseguimos mesmo ou não percebemos os sinais que recebemos... de que ainda não estamos prontos! Preste atenção nessa mensagem sobre borboletas... ela vai te ensinar muito. Não corra atrás das borboletas. Cuide de seu jardim e elas virão até você! Devemos compreender que a vida segue seu fluxo e que ele é perfeito. Tudo acontece no seu devido tempo. Nós é que nos tornamos ansiosos e estamos constantemente querendo empurrar o rio. Calma! O rio vai sozinho, obedecendo o ritmo da natureza... Se passarmos todo o tempo desejando as borboletas e reclamando porque elas não se aproximam da gente, mas vivem no jardim do nosso vizinho, elas realmente não virão. Mas, se dedicarmos a cuidar do nosso jardim, a transformar o nosso espaço, a nossa vida, num ambiente agradável, perfumado e bonito, será inevitável... As borboletas virão até a nós... Dê o que você tem de melhor e a vida lhe retribuirá